30 erros que podem estragar seu cabelo: saiba quais hábitos do dia a dia podem detonar os fios

Sabe o que fazer para ter um cabelo saudável? Investir em bons hábitos! E isso significa ir muito além de hidratações caseiras de vez em quando, viu? Para garantir que as madeixas estejam sempre fortes e brilhosas, o ideal é ficar de olho nos pequenos detalhes da rotina.

Quer saber o que você pode estar fazendo de errado no dia a dia? Continue lendo a matéria e fique longe dos erros listados abaixo!

Pular os slider: Oleo Extraordinario

Conheça toda a linha Elseve Óleo Extraordinário

1. Usar qualquer shampoo e condicionador

Cada cabelo tem necessidades diferentes e usar qualquer shampoo (que não seja específico para o seu fio) pode detonar o visual ou simplesmente não ajudar na saúde das madeixas.

2. Usar shampoo anti-resíduo diariamente

Os shampoos de limpeza profunda abrem bem as cutículas do cabelo e, quando usados em excesso, podem causar frizz, ressecamento e falta de brilho. Tente limitar o uso para duas vezes na semana, no máximo!

3. Usar o condicionador na raiz

Aplicar o condicionador na raiz pode causar oleosidade excessiva nos fios - facilitando também outros problemas como a caspa, por exemplo. O ideal é aplicar o produto só nas pontinhas!

4. Substituir o creme de tratamento pelo condicionador

Creme e condicionador não têm a mesma função e, na verdade, devem ser usados juntos! Enquanto a máscara serve para hidratar os fios, o condicionador deve ser aplicado depois para selar as cutículas capilares.

5. Usar o creme de tratamento na raiz

Assim como condicionador, o creme de tratamento também deve ser aplicado apenas no comprimento e pontinhas para evitar que os fios fiquem muito oleosos e o couro cabeludo muito úmido.

6. Esfregar a toalha nos fios molhados

Esfregar os cabelos molhados na toalha pode causar frizz e fragilidade nos fios - sem contar que não retira a umidade tanto quanto parece. Para um ritual livre de erros, prefira apertar as mechinhas em uma camisa de algodão.

7. Lavar os cabelos com água quente

Lavar os cabelos com água quente pode abrir demais as cutículas do cabelo, aumentando a produção de óleo no couro cabeludo, ao mesmo tempo em que pode ressecar as pontas. O ideal seria apostar na água morna e finalizar com uma ducha gelada!

8. Usar o secador sem um protetor térmico

Deixar de proteger os cabelos do vento quente do secador pode causar opacidade, ressecamento e diversos outros danos ao comprimentos e pontinhas dos fios! A dica é aplicar um óleo ou leave-in com proteção térmica nos fios antes mesmo de ligar o aparelho.

9. Desembaraçar os fios sem creme de pentear

Não usar um creme para pentear ou um leave-in para desembaraçar os fios é um erro que pode causar puxões agressivos nos fios - e até mesmo a quebra deles. O creme facilita e muito a passagem do pente ou escova nas mechas!

10. Errar na quantidade de creme para pentear

E por falar em creme para pentear, menos é mais! Para evitar que os cabelos fiquem pesados, vale a pena ir aplicando o produto de pouquinho em pouquinho.

11. Prender os cabelos ainda molhados

Prender o cabelo molhado não permite que os fios sequem, o que facilita o aparecimento de caspa e fungos, sem falar do risco de quebra e enfraquecimento do fio na raiz.

12. Dormir com os cabelos molhados

Além de deixar um aspecto bem bagunçado no fios pela manhã, dormir de cabelo molhado também pode facilitar o caminho para fungos e outros problemas no couro cabeludo.

13. Passar chapinha nos fios sujos

A chapinha deve ser usada apenas nos cabelos limpos e secos - do contrário, o calor da prancha poderá fixar ainda mais a sujeira e oleosidade no fio, deixando o aspecto bem pesado no visual.

14. Não usar um protetor térmico antes da chapinha

Assim como o secador pode causar danos aos fios por causa da alta temperatura, o mesmo acontece com a chapinha. Para evitar o ressecamento, não se esqueça do leave-in com proteção térmica!

15. Passar máscara de hidratação na praia

Hidratação se faz em casa ou no salão, mas nunca na praia! Expor os fios com o produto ao sol pode queimar as madeixas e enfraquecê-las em vez de dar força.

16. Não alternar hidratação, reconstrução e nutrição no cronograma capilar

Apostar apenas nas hidratações caseiras não resolve todo o problema: é preciso alternar os cuidados com cremes e produtos reconstrutores e nutritivos no cronograma capilar certo. Clique aqui e saiba como!

17. Cuidar apenas das pontinhas do cabelo

É verdade que a maioria dos cuidados se destina às pontinhas, mas o couro cabeludo também precisa de atenção. É válido apostar nas massagens estimulantes com os dedos e uso de produtos de limpeza com regularidade.

18. Apostar na química sem fazer o teste de mechas

A melhor maneira de prevenir corte químico e outros problemas por conta de alisamento e coloração pode ser resolvido com o teste de mecha antes do procedimento. Peça sempre ao seu cabeleireiro!

19. Misturar mais de uma química nos cabelos

Alguns tipos de química não são compatíveis - e essa é a principal causa do corte químico nas mulheres. Procure sempre um especialista para tirar a dúvida e saber o que pode ser feito nos seus fios.

20. Não preparar os fios para uma descoloração

É preciso investir no cronograma capilar antes de transformar o visual - assim, os fios estarão saudáveis o suficiente para resistir à perda de nutrientes que pode acontecer no processo.

21. Aplicar a tinta de cabelo com os fios molhados

A água e óleo natural dos cabelos não permite que a tinta consiga agir nos fios, por isso, a aplicação da coloração deve ser feito nos cabelos limpos e completamente secos.

22. Deixar a tinta mais tempo do que o indicado nos fios

Deixar a tinta mais tempo nos cabelos pode acabar prejudicando os fios - e não vai mudar em nada o tom ou fixação da cor no visual, ok? Siga sempre a instrução da caixinha!

23. Fazer escova progressiva antes de colorir os cabelos

Se você costuma apostar nos dois procedimentos, o ideal é fazer a progressiva depois da coloração. Se alisar os cabelos antes, os fios estarão encapados pela química, dificultando a entrada da tinta no visual.

24. Fazer mais de uma coloração em menos de um mês

Diferentemente dos retoques (que são feitos apenas na parte sem a tinta e não prejudicam o restante do fio), o processo de tintura em todo o cabelo num intervalo curto de tempo pode danificar e fragilizar os cabelos.

25. Ignorar os cuidados com os cabelos pós-coloração

Ter uma rotina de cuidados com os fios depois de mudar de cor é essencial para que eles não fiquem opacos, fracos e quebradiços, já que a coloração pode retirar esse nutrientes na hora do procedimento.

26. Cortar o cabelo apenas uma vez ao ano

Quando se espera demais para cortar os fios, o risco de pontas duplas, quebradiças e arrepiadas só aumenta. Melhor eliminar a parte danificada dos cabelos e garantir um visual saudável, né?

27. Não proteger os fios antes de um banho de mar ou piscina

Usar o óleo ou leave-in é um dos cuidados mais importantes para evitar que os fios mudem de textura ou cor - no caso de quem pinta - após o contato com o cloro ou água salgada. 

28. Não enxaguar o cabelo com água doce depois da praia ou piscina

Outro cuidado importante para não deixar que o banho de mar ou piscina detone o visual é enxaguar os fios com água doce depois do mergulho. Um jeito natural e rápido para eliminar os resquícios do sal e cloro das madeixas!

29. Esquecer de limpar a escova de cabelo

Escovas e pentes de cabelo tendem a acumular óleo, poeira e outra sujeirinhas e, por isso, devem ser limpos com frequência. Tudo para não aumentar a oleosidade nas madeixas!

30. Usar produtos fora da validade

Todo produto para os cabelos fora da validade pode causar riscos: coceira, caspa, ardência podem ser alguns deles e, por isso, descarte os itens que já passaram do prazo e renove sua prateleira sempre que possível!

Matéria publicada em 01 de Abril de 2021, por Webedia.