NOSSOS COMPROMISSOS ÉTICOS

A L'Oréal desenvolveu uma tecnologia exclusiva há mais de 30 anos: a reconstrução da pele humana, seguida por outros tipos de estruturas, como córnea e outras mucosas. Reconstruímos modelos de pele humana em laboratórios desde 1979. Em seguida, esses métodos foram aprovados pelas autoridades competentes. Outras ferramentas foram criadas, permitindo elaborar estratégias integradas e autênticas de avaliação de segurança como alternativa aos animais. Em 1989, a L'Oréal parou completamente de testar seus produtos em animais, portanto, 14 anos antes da regulamentação exigir isso

Imagem 4
PERGUNTA
1

L'Oréal faz teste em animais?

A L'Oréal não testa nenhum de seus produtos ou ingredientes em animais e está na vanguarda de métodos alternativos, como o Episkin, há mais de 30 anos.

PERGUNTA
2

O que é o Episkin?

Por mais de 30 anos, a L'Oréal vem reconstruindo modelos de pele humana em laboratórios para elaborar testes de segurança in vitro que não envolvem animais. O grupo esteve, portanto, na vanguarda de métodos alternativos para avaliação de segurança. Desde então, a L'Oréal abriu o Episkin em Lyon (França) e em Xangai (China), onde são produzidas peles reconstruídas. Além de modelos de pele reconstruídos, a L'Oréal tem um grande conjunto de ferramentas como parte de sua avaliação preditiva que não envolve animais, como modelagem molecular, sistemas especialistas em toxicologia, técnicas de imagem e muito mais.

PERGUNTA
3

Se a L’Oréal não testa produtos em animais, por que ainda está na lista de empresas que testam a PETA?

A L'Oréal não testa nenhum de seus produtos ou ingredientes em animais. No entanto, como nossos produtos são vendidos na China, a L'Oréal ainda figura na lista PETA. Na China, as autoridades de saúde ainda exigem e realizam testes em animais para determinados produtos.

PERGUNTA
4

Por que os produtos da L'Oréal não têm o logotipo "livre de crueldade"?

Algumas de nossas marcas que não estão presentes na China decidiram usar um logotipo "livre de crueldade". As marcas presentes na China não podem ter um logotipo "livre de crueldade" devido à regulamentação de cosméticos na China.

PERGUNTA
5

Que ações estão sendo implementadas pela L'Oréal para acabar com os testes em animais na China?

A L'Oréal está comprometida em trabalhar ao lado das autoridades chinesas há mais de 10 anos e os cientistas reconhecem métodos alternativos de teste e permitem que a regulamentação sobre cosméticos evolua para uma eliminação total e definitiva dos testes em animais. Assim, hoje em dia os produtos fabricados e vendidos na China denominados “não funcionais”, como xampu, sabonete ou maquiagem, já não são mais testados em animais. Abrimos um Centro Episkin* em Xangai em 2014, permitindo-nos produzir peles reconstruídas. Essas peles são usadas para testes de segurança in vitro que não envolvem animais e são disponibilizadas para as autoridades chinesas. *Epskin é um modelo de reconstrução da pele humana.