Penteados: dez tipos de trança para usar em casamentos

Tranças são um ótimo estilo para deixar o cabelo bonito sem muito esforço, principalmente em eventos que precisam de mais cuidado no visual, como os casamentos. O penteado, conhecido desde a pré-história, e que marcou figuras importantes como Cleópatra, dá um efeito bonito pelo entrelaçamento das mechas e pode turbinar produções mais simples, como coques, o rabos de cavalo e o semi presos. Até mesmo a versão tradicional pode combinar com qualquer tipo de cerimônia, desde a mais despojada a um evento mais chique e formal.

Penteados rápidos e fáceis de fazer

Para quem não tem muita habilidade, ou tem pouco tempo para se arrumar, a opção é investir no penteado em toda a extensão do cabelo. Enquanto madeixas mais longas conseguem um desenho bonito pelo estilo entrelaçado, as mais curtas ganham charme com as variações que começam pela raiz, como a trança espinha de peixe ou embutida. Outra opção são os semi presos, que podem destacar a parte lateral da cabeça, formar uma tiara ou construir uma versão ousada de penteado, o falso sitecut.

Coque trançado: penteado de diversas versões

O coque com tranças pode ser um coringa para um penteado de casamento. Ao contrário dos fios soltos, que dependendo da textura podem sugerir um visual "femme fatale", o estilo preso é mais sóbrio e capaz de combinar com todo tipo de cerimônia. O penteado funciona para eventos chiques, por se destacar por seu desenho, e também em eventos informais ao ar livre, em que prender os fios controla os efeitos do vento e outros problemas com o clima.

As variações do penteado ganham graça com tiaras de trança ou estilos detalhados, como um coque em que a extensão das madeixas foi trançada antes de ser preso. Outra opção que vale até para madrinhas ou a mãe dos noivos é o de fios embutidos em locais destacados como a frente da cabeça, parte de trás e também na lateral, para mostrar o design entrelaçado.

Matéria publicada em 07 de Abril de 2021, por Webedia.