Tendência: Cabelos lisos voltam a dominar as passarelas

Os cabelos lisos são objeto de desejo da maioria das brasileiras. Depois de serem deixados de lado por algumas temporadas no mundo, os fios super lisos voltaram a ficar em evidência nas semanas de moda mundo afora. De Paris ao Rio, eles apareceram em desfiles como Chanel, Burberry, Sacada, Iódice e Maria Filó. Escorridos ou volumosos, pesados ou esvoaçantes, eles são práticos e femininos.

Liso de salão

Não é à toa que os salões de beleza vivem lotados de mulheres em busca do liso perfeito. A cada dia, novas técnicas de alisamentos prometem o sonho dos fios escorridos a inúmeras brasileiras. Fáceis de usar e de manter, os cabelos lisos são sinônimo de praticidade, elegância e feminilidade. Quem alisa o cabelo deve tomar alguns cuidados para manter os fios saudáveis, como hidratação quinzenal e tratamentos reconstrutores da fibra capilar.

De informal a sexy em um repartido

Para as que pensam que cabelos lisos podem ser sem graça, é importante lembrar que é possível variar o estilo das madeixas apenas mudando o modo de repartir os fios. Cabelos repartidos ao meio dão a impressão de informalidade, como na passarela da Maria Filó, enquanto jogar os fios para o lado confere um ar sexy e jovial ao look, como visto nos desfiles da Iódice, Burberry Prorsum, Coven e Sacada.

Há quem prefira um visual mais polido, sem nenhum fio fora do lugar. Esse estilo confere uma imagem de seriedade e pode ser uma boa opção para uma importante reunião de trabalho, onde é preciso transmitir confiança. Para reproduzir o look, basta se inspirar nos cabelos das grifes Calvin Klein, DKNY, Erdem, Ungaro e Theysken.

Cuidados para um efeito liso duradouro

Conseguir um efeito liso duradouro nos fios requer o uso de produtos específicos para controlar o frizz, realçar o brilho e não deixar as pontas espetadas, por isso é importante investir em produtos finalizadores, como silicone para pontas, spray de brilho e termoativos.

O calor da chapinha pode ressecar os fios, pois danifica as cutículas do fio, deixando-os desidratados e aumento o frizz. Os termoativos agem com o calor emitido pelo secador ou chapinha e potencializam o efeito liso, além de protegerem contra os danos que estes aparelhos podem causar aos cabelos. Já o silicone forma uma película sobre os fios, impedindo que a umidade penetre. Outro ponto importante é investir em secadores e chapinhas tecnológicas , com íons ou infravermelhos, que selam a cutícula da fibra capilar e impedem o ressecamento.

 

Matéria publicada em 12 de Abril de 2021, por Webedia.