Produtos finalizadores podem queimar os cabelos? Tire suas dúvidas!

Até os produtos de beleza mais incríveis do mundo podem trazer sérios problemas se forem utilizados da maneira errada. Os finalizadores podem parecer inofensivos, mas estão entre as categorias que mais exigem cautela na hora da utilização e algumas regras básicas podem evitar que os fios sejam danificados pelo uso incorreto de cada produto ao entrarem em contato com calor.

Fuja de produtos que contém álcool

Pular os slider: Hidra cabelo

Conheça a linha

Elseve Hidra Hialurônico

Gel, mousse, spray e ativador de cachos: todos esses finalizadores podem conter álcool, que é um grande amigo na hora de deixar os fios no lugar, mas também costumam desbotar a cor dos fios com coloração e danificar as madeixas, deixando um aspecto poroso e áspero nos fios. É preciso estar sempre atenta à concentração da substância no produto e, segundo o cabeleireiro Alexandre Rodrigues, vale a pena dar preferência a produtos de linhas profissionais: "eles costumam conter a tecnologia necessária para manter o cabelo sem alterar cor ou forma - alguns já vêm até com protetor solar, o que evitará maiores danos quando o cabelo entrar em contato com o sol", diz.

Alexandre, porém, explica que aquele tom mais claro que surge nas pontas pode não ter relação com os finalizadores: "o cabelo já tem naturalmente a tendência de abrir a cor das pontas aos poucos, independente dos produtos usados no cabelo", revela. Mesmo assim, protetor solar nas madeixas é essencial, já que essa claridade pode até ser charmosa, mas geralmente vem acompanhada do ressecamento e danos causados pelo sol.

Dicas para escolher o óleo certo antes da escova ou chapinha

Esse é um dos erros mais comuns de quem costuma alisar o cabelo. O problema desta vez não está no produto, mas sim na hora da aplicação. Para ser usado antes da escova ou chapinha, é necessário que o óleo finalizador tenha proteção térmica, caso contrário pode acabar fritando, literalmente, as madeixas, o que danifica muito a estrutura do fio e pode levar à quebra seguida de queda de parte das mechas. Caso o produto não tenha proteção térmica, o mais seguro é usar o óleo depois que os cabelos já estiverem prontos, como uma forma de dar brilho, retirar o frizz, reparar pontas e trazer uma aparência saudável.

Matéria publicada em 09 de abril 2021, por Webedia.

Pular os slider: Oleo-extraordinario

Conheça a linha

Elseve Óleo Extraordinário