Cabelo preso causa dores no couro cabeludo? Conheça as razões por trás do incômodo

Sentir dor depois de exagerar na força para prender ou trançar o cabelo é uma situação comum, mas nada saudável. Além da sensação de incômodo, esse tipo de ação pode causar problemas ao couro cabeludo ou camuflar outras questões que merecem atenção médica. A dermatologista Jomara Estefaneli esclarece as dúvidas sobre o assunto e indica todas as consequências de um cabelo preso da forma errada.

Dores prolongadas no couro cabeludo não são causadas por penteados

Jomara esclarece que o que causa a dor em quem prende o cabelo apertado é apenas a tração excessiva. A médica revela ainda que a única alteração que pode durar um pouco mais de tempo é a dor de cabeça interna causada pelo fio puxado, mas que o incômodo no couro cabeludo precisa passar assim que as madeixas forem soltas. Se a sensação na área persistir é bom procurar a ajuda de um dermatologista, já que, segundo Jomara, o sintoma pode ser sinal de vários problemas como caspa, foliculite ou até mesmo uma questão neurológica.

Prender o cabelo com muita força pode causar quebra e até calvice

O resultado mais comum dessa tração segundo a profissional que atende no Instituto da Pelle é a quebra dos fios, que seria tratada apenas parando de prendê-los com força. Apesar do aparente efeito inofensivo, se essas quebras se repetirem por muitos anos - como acontece com bailarinas e mulheres com tranças e apliques - a raiz do fio pode sofrer traumas e morrer naquele local, causando o que a médica chama de alopécia de tração. São falhas de cabelo localizadas geralmente na parte da frente da cabeça que podem aumentar de tamanho com o tempo. Os efeitos são conhecidos e já puderam ser vistos em algumas celebridades como Naomi Campbell, fotografada em uma praia com boa parte da cabeça sem fios.

Prenda os fios da forma correta para evitar problemas

Não é só a raiz que pode sofrer com penteados mal feitos - os próprios fios precisam estar saudáveis o suficiente para serem estendidos ou esticados durante por muito tempo. Do contrário eles podem ficar quebradiços e danificados. Escolher o instrumento certo para prender também faz toda a diferença. Procure por elásticos sem elos metálicos e ao usar grampos prefira aqueles que têm as pontas arredondadas: a outra versão pode causar quebra e ainda arranhar o couro cabeludo.

Mulher Prendendo O Cabelo
Matéria publicada em 05 de Fevereiro de 2021.