Cartas de baralho e outros truques das semanas de moda para conseguir o liso perfeito

Durante a última semana de moda de Nova York modelos foram vistas andando pelo backstage com cartas de baralho coladas à lateral do cabelo com clips. Longe de se tratar de alguma superstição, o truque é uma forma inteligente de derrotar aqueles fios que insistem em se destacar do conjunto quando a intenção é reproduzir o look liso e reto que já faz sucesso há duas temporadas.

O segredo está na superfície lisa das cartas e na pressão feita pelo prendedor, que mantém os fios baixos e sem frizz, duas características essenciais para alcançar o liso chapado perfeito. As cartas podem ser aquelas comuns usadas para jogos, mas ao escolher os clips, dê preferência aos de bico reto, que não causarão ondulações nos fios.

Mantenha o cabelo baixo durante o sono

Para chegar lá também existem outros truques e o mais fácil deles pode ser feito durante o sono. As horas passadas na cama podem influenciar no "humor" das madeixas durante o dia e a primeira tarefa é trocar as fronhas. Mais lisas que as de algodão, as fronhas de seda diminuem o atrito com os fios e são um ótimo segredo para acordar com o cabelo arrumado.

Outra medida que pode ser tomada na cama é usar um rabo de cavalo baixo para dormir. Celebridades como Julianne Moore garantem que a medida é perfeita para preservar a raiz lisa por bastante tempo. Quem quiser trocar o liso chapado por um comprimento ondulado pode trocar o rabo de cavalo por uma trança - o volume será diminuído, mas as ondas definidas permanecerão.

O liso perfeito começa na estilização

Na hora de pentear as madeixas também existem algumas táticas que ajudam a chegar ao liso reto e sem fios fora do lugar. Prefira o jato frio do secador e use sempre pentes de madeira ou antiestáticos. A versão com dentes finos é perfeita para pentear os fios ainda molhados e modelá-los para secar no formato certo. No final um pouco de óleo capilar é a fórmula perfeita para manter o frizz longe do liso.

 

Matéria publicada em 01 de julho 2021, por Webedia.