Flacidez e rugas no pescoço: o que causa e como tratar as linhas e marcas na região

Você sabia que a região do pescoço também pode sofrer com a flacidez, rugas e até mesmo marcas da forma como dormimos? Embora a gente dedique um pouco do nosso tempo para entender como as linhas de expressão surgem na pele do rosto - e até mesmo cuidar delas com uma rotina personalizada - o mesmo nem sempre acontece quando se trata do colo.

Confira as causas e os tratamentos para essas questões aqui embaixo e veja como pequenas mudanças na rotina ajudam a manter a pele saudável por completo!

Quais são as principais causas das rugas e da flacidez no pescoço?

A pele do pescoço é mais fina e sensível e, assim como a do rosto, também lida com a diminuição natural da produção de colágeno - substância que dá firmeza e sustentação - ao longo dos anos. Ou seja: também sofre com a flacidez, marcas e linhas de expressão - entre elas, a aparência de uma “papada”. Além disso, a região tem uma concentração menor de glândulas sebáceas, o que prejudica sua hidratação.

Pescoço é, quase sempre, deixado de fora da rotina de cuidados com a pele

Além desses fatores, o pescoço está tão exposto quanto o rosto aos efeitos dos raios UV e da poluição - mas, na maioria das vezes, é deixado de fora dos rituais de skincare diários. Sem o protetor solar, a hidratação constante ou até mesmo produtos anti-idade, somados ao ressecamento característico, a região é uma das primeiras a lidar com o surgimento de linhas e marcas. O mesmo acontece com nossas mãos, viu?

Mudanças na rotina fazem parte do tratamento para flacidez e rugas no pescoço

Apesar de existirem tratamentos estéticos específicos para cuidar do pescoço, como é o caso do laser fracionado, o tratamento para a flacidez e ruga também pode começar pela prevenção. Por isso, vale iniciar desde já a incluir alguns desses novos hábitos na sua rotina:

Alimentação: a saúde da pele e do cabelo vem, em grande parte, de dentro! Para combater os efeitos dos radicais livres sobre o pescoço, inclua no seu dia a dia alimentos ricos em antioxidantes, como as oleaginosas, chá-verde, frutas cítricas e vermelhas.

Postura: você passa muito tempo com a cabeça abaixada, olhando para o celular ou para a tela do computador? Esse hábito pode, com um tempo, formar uma marca ao redor do pescoço. Fique atenta a sua postura ao longo do dia e tente se manter com a coluna reta. Além disso, evite dormir de barriga para baixo - isso também contribui para a formação de linhas na região do decote.

Cuidados com a pele: na hora do skincare, lembre-se sempre de estender os cuidados do rosto ao pescoço, caprichando especialmente no protetor solar. Se quiser, pode também incluir uma massagem para potencializar os efeitos de cada produto.

 

Matéria publicada em 25 de fevereiro 2021, por Webedia.