Guia da transição capilar: tudo o que você precisa saber antes de começar o processo

transição capilar é um processo de retorno aos cabelos naturais que se popularizou com as mulheres cacheadas e crespas que se cansaram dos alisamentos. O movimento cresceu nos últimos anos e a cada dia vemos cada vez mais mulheres exibindo suas madeixas naturais, cheias de personalidade e estilo por aí.

Fazer a transição é uma decisão importantíssima porque envolve autoestima, aceitação e paciência, já que pode ser um processo longo em alguns casos. Por esse motivo, muitas mulheres ainda têm dúvidas sobre esse método e procuram ajuda para começar.

Caso você tenha se identificado, essa matéria é para você! Se você quer fazer a transição, mas não sabe como começar ou nem sabe muito bem o que é isso, preparamos esse guia com tudo que você precisa saber para voltar aos cabelos naturais.

O QUE É TRANSIÇÃO CAPILAR: ENTENDA O QUE É PROCESSO DE RECUPERAÇÃO DOS CACHOS E POR QUE ELE É NECESSÁRIO

A transição capilar é o nome que se dá ao processo de abandono de químicas de alisamento e relaxamento para voltar aos cabelos naturais. O método se popularizou através de mulheres de cabelos cacheados e crespos que decidiram voltar às origens depois de anos com fios quimicamente tratados.

O processo de transição capilar começa no último dia de aplicação de química até o dia de corte de todas as pontas alisadas - método conhecido como big chop (grande corte, em inglês).

Para quem alisou os cabelos por muito tempo, a transição capilar seguida do corte é a única forma de recuperar os cachos naturais, uma vez que não é possível reverter o efeito dos produtos químicos nos fios. Por isso, se você sonha em ter cabelos cacheados ou crespos naturais novamente, fazer a transição é a forma de conseguir.

COMO FAZER A TRANSIÇÃO CAPILAR: DICAS DE COMO COMEÇAR A RECUPERAR O CABELO NATURAL

 

Se você está pensando em voltar ao cabelo natural, o primeiro passo a ser tomado é parar de passar químicas nos fios. A partir do momento em que você não fizer mais nenhuma reaplicação de alisamento nos fios, você está em transição.

Agora você deve estar se perguntando: quanto tempo dura a transição capilar? Nesse caso, não existe uma resposta certa. A transição é algo muito pessoal e a duração vai variar de pessoa para pessoa a depender da velocidade do crescimento dos fios, que crescem de 1cm a 1,5cm por mês, e das decisões tomadas durante o processo.

Algumas mulheres decidem fazer o big chop e remover todos os fios alisados imediatamente após parar com o alisamento, enquanto outras preferem aguardar o cabelo natural crescer para ir cortando as pontas lisas aos poucos.

Como o comprimento dos cabelos é algo importante para muitas mulheres, nesses casos a transição é mais longa, porque elas preferem manter o comprimento até que as madeixas naturais tenham crescido o suficiente.

COMO FICAM OS CABELOS EM TRANSIÇÃO: SAIBA COMO LIDAR COM AS TRANSFORMAÇÕES NOS FIOS

Um dos principais desafios da transição capilar é lidar com as mudanças na textura e na aparência dos cabelos. Conforme o cabelo natural cresce, a parte da raiz fica diferente do comprimento, o que pode incomodar um pouco. Por isso, ao começar o processo é interessante aprender penteados e texturizações para estilizar os fios até o dia do big chop.

Além disso, o cabelo em transição pode ficar sensibilizado devido às mudanças na textura do fio, o que pode causar ressecamento, frizz e quebra. Por isso, a rotina de cuidados com o cabelo terá que ser adaptada às novas necessidades das madeixas e também para que os fios naturais cresçam saudáveis.

Por esse motivo, a palavra de transição capilar é paciência, já que você vai estar lidando com um cabelo novo enquanto aguarda o crescimento. A boa notícia é que a espera vale a pena e essas fotos de transição capilar antes e depois podem servir de inspiração.

 

PRODUTOS PARA TRANSIÇÃO CAPILAR: DICAS DE CUIDADOS COM OS FIOS NA VOLTA AO NATURAL

Como você já deve ter percebido, o cabelo vai precisar de um carinho extra durante o período de retomada dos cachos. A primeira dica de cuidados com os cabelos nessa fase é apostar em um cronograma capilar para cabelos em transição.

Essa técnica que alterna os tratamentos de hidratação, nutrição e reconstrução vai ser importante para garantir que os fios estão recebendo todos os nutrientes que eles precisam para crescerem saudáveis, além de reduzir a sensibilidade provocada pela mudança de textura.

Na hidratação utilize produtos ricos em extratos vegetais, como a essência de alga azul, conhecida por ser altamente hidratante e importante na reposição de água dos fios. 

Já na nutrição, etapa que consiste na reposição de lipídios, é recomendável optar por produtos ricos agentes umectantes, como manteigas e óleos. Nossa recomendação é a linha Óleo Extraordinário Cachos, de Elseve, que contém óleo de coco e micro-óleos de flores preciosas na composição.

Por fim, na reconstrução é a hora de repor proteínas, como a queratina e as ceramidas, por isso invista em produtos que contenham ativos como as bioceramidas, pró-queratina e cicatriceramidas. Durante a transição capilar, evite utilizar ferramentas de calor como chapinhas e babyliss, que podem danificar os fios em crescimento.

PENTEADOS PARA CABELOS EM TRANSIÇÃO: DICAS DE ESTILOS PARA UTILIZAR E DISFARÇAR AS DUAS TEXTURAS

 
 

Nada melhor para lidar com as diferentes texturas do cabelo em transição do que apostar nos penteados. Além de disfarçar a diferença entre a raiz e o comprimento, eles também vão dar aquele up na autoestima nos dias que você estiver pronta para largar tudo!

Esses são os melhores penteados para cabelos em transição capilar:

#1. Coques : super fáceis de fazer, os coques são a melhor pedida quando o cabelo não está em um bom dia, já que os fios ficam totalmente presos. Como esse penteado é muito versátil, você pode alternar diferentes tipos de coque: alto, baixo, polido ou messy.

#2. Tranças : as tranças são um dos penteados para cabelos em transição favoritos das cacheadas. Além de serem super estilosas, não só disfarçam as duas texturas como também protegem o fio natural durante o crescimento. Você pode apostar nas box braids ou em penteados com trança, como tranças embutidas e trança boxeadora.

#3. Penteados com acessórios: nessa fase, vai ser importante investir nos acessórios. Eles podem ajudar muito a criar penteados bonitos e estilosos para qualquer ocasião. O turbante, o lenço, as tiaras e presilhas são alguns exemplos de acessórios para usar durante a transição capilar. 

#4. Penteados semipresos : esse estilo em que uma parte superior dos fios fica presa enquanto a parte inferior fica solta também é uma ótima opção de penteados para cabelos em transição e se adequam a várias ocasiões. Recomendamos o half bun e semipreso com trança.

APOSTE TAMBÉM NAS TÉCNICAS DE TEXTURIZAÇÃO E FINALIZAÇÃO DO CABELO EM TRANSIÇÃO CAPILAR

 

Outra dica de estilização dos cabelos durante a transição capilar é utilizar as técnicas de texturização para alterar a textura e o formato dos fios manualmente e deixá-los mais definidos.

dedoliss é uma das técnicas de texturização e finalização de cabelos cacheados mais conhecidas e fáceis de fazer. Consiste em separar pequenas mechas dos fios, aplicar o creme de pentear e enrolar nos dedos, criando o formato de mola. Outra opção é a fitagem, onde você vai pentear os fios com os dedos, fazendo um movimento preciso da raiz até as pontas para separar as mechas como se elas fossem fitas.

Para um efeito mais elaborado, a texturização com bigudinho, um acessório em formato de espiral muito popular nos anos 2000, é uma opção que também deixa os cabelos bem definidos. Já a texturização com coquinhos, pode ser uma alternativa não só para texturizar os fios, mas também se transformar em um penteado super moderninho.

CORTES PARA CABELO EM TRANSIÇÃO: COMO FAZER O BIG CHOP SEM PERDER O ESTILO

 

O momento de fazer o big chop é muito importante, porque marca o adeus definitivo aos cabelos alisados e a aceitação dos cachos, além da mudança do comprimento das madeixas. Por isso, é importante escolher um corte que vá valorizar os cabelos naturais e dar forma aos fios.

Para fazer um big chop completo, você pode apostar no tapered haircut, tendência de cortes para cabelos em transição entre as crespas e cacheadas porque é bem curtinho e perfeito para acabar com as pontas alisadas. Neste corte, os cabelos da nuca e da lateral ficam bem batidinhos, enquanto o volume se concentra no topo da cabeça.

Mas se você ainda não estiver totalmente pronta para o big chop, uma dica é apostar nos cortes intermediários para ir se livrando das pontas alisadas aos poucos, sem ter que partir para o super curto de uma vez.

Nossas sugestões são cortes como o short bob, um corte que bate na altura do queixo, e corte long bob, que fica na altura do ombro e têm diferentes versões que podem ser adaptados para todos os tipos de cabelo. Com essas opções, você consegue ir eliminando as pontas alisadas aos poucos e seguir com a transição capilar sem perder o estilo.

 

Matéria publicada em 14 de Abril de 2021, por Webedia.