Cabelos ruivos: 7 perguntas que você deve fazer antes de pintar os fios de vermelho

$name

Os cabelos ruivos são sinônimo de personalidade e estilo. Por causa da gama diversa de nuances, como vermelho intenso, acobreado e marsala, eles combinam com todos os tipos de cabelo e tons de pele. Por isso, os cabelos com tons de ruivo têm ganhado cada vez mais adeptas, tornando-se um sucesso e sonho de muitas mulheres. Porém, antes de entrar nessa tendência, é importante que você saiba como ter um cabelo ruivo, da escolha do tom até os cuidados que devem ser tomados. Para ajudar, confira 7 perguntas que você deve se fazer antes de aderir aos cabelos vermelhos!
$name
1

Como eu escolho o tom de vermelho ideal?

Existe uma infinidade de tons de vermelho para você escolher: ruivo acobreado, puxado para o loiro ou um vermelho intenso. Pode ser um tom mais aberto ou fechado e mais claro ou mais escuro. Uma dica para escolher o ruivo ideal é levar em conta seu tom de pele. Algumas tonalidades podem combinar mais com cada um. Lembre-se que peles quentes combinam mais com tons quentes e peles frias combinam mais com tons frios.

A pele clara costuma combinar com vários tons de ruivo. Quando a pele é rosada, fica muito bem com colorações mais claras, como o Strawberry Blonde (uma mistura de loiro claro com tons de vermelho e cobre), dando um aspecto natural. Já a pele de tonalidade amarelada combina bem com o ruivo acobreado, que dá vivacidade. A pele negra combina principalmente com tons de vermelho mais escuros, como o vinho ou o ruivo profundo. Mas os tons podem variar se a pele puxar mais para o cinza - mais fria - ou para o marrom - mais quente. Independentemente do tom de pele, se você gosta de ousar pode optar pelo vermelho fantasia, que possui pigmentos da cor vermelha bem mais vivos e intensos.

$name
2

Para ter cabelos ruivos, preciso descolorir o fio?

Depende. O processo de descoloração é feito de acordo com a base do cabelo. Se ela já for mais clara, pode conseguir chegar na cor desejada com mais facilidade, sem necessidade de descoloração. Porém, nos cabelos de tons médios e escuros, é necessário descolorir. Dependendo da tonalidade natural e do tom de ruivo desejado, a descoloração pode ser mais ou menos forte. Por exemplo: se seu cabelo é castanho médio e você quer um ruivo mais fechado, o processo é mais simples. Mas, se tiver os fios castanhos escuros e quiser um ruivo mais aberto, o processo pode ser mais intenso. Ah, e lembre-se sempre que tinta não clareia tinta! Portanto, se você já tem os fios tingidos, a decapagem ou a descoloração serão necessárias.

$name
3

Como devo cuidar dos cabelos ruivos?

Qualquer cabelo que passa por um procedimento químico precisa de cuidados especiais de tratamento. Com o ruivo, não é diferente, e esse cuidado deve vir antes mesmo da tintura. É importante que seu cabelo esteja hidratado e nutrido antes do procedimento, então invista em um cronograma capilar com foco na nutrição para deixar seus fios fortalecidos e prontos para a química. E não se esqueça do teste de mecha antes de descolorir para ver se o procedimento realmente pode ser feito. Após pintar, mantenha o cronograma para impedir que seu cabelo fique ressecado e esteja sempre com os fios restaurados. O foco deve ser na hidratação, nutrição e reconstrução. Para isso, utilize produtos específicos para cabelos coloridos, além de máscaras de hidratação profunda, ideais para manter os fios saudáveis sem desbotar.

$name
4

O que causa o desbotamento dos cabelos ruivos?

Como o pigmento vermelho é pequeno, pode se soltar mais facilmente dos fios e, por isso, os cabelos ruivos têm mais tendência a desbotar. Um dos principais motivos para o desbotamento do cabelo ruivo é lavar demais o cabelo, já que a água possui algumas substâncias como cloro e cálcio que aceleram esse processo. E esse desbotamento pode ser ainda mais intenso se a água for quente, porque a alta temperatura pode danificar o cabelo e ainda facilitar a abertura das cutículas, contribuindo para a saída do pigmento vermelho. Outra razão é a exposição ao calor. Tanto a luz solar excessiva quanto os equipamentos térmicos, como chapinha, babyliss e secador, sensibilizam os fios, deixando-os mais propensos a perder pigmento.

$name
5

Que cuidados devo tomar no dia a dia para evitar o desbotamento dos cabelos vermelhos?

Durante o dia, evite muita exposição ao sol. A luz solar pode trazer danos aos fios e, no caso das ruivas, pode contribuir para o desbotamento. Se você precisar ficar muito exposta, aplique creme para pentear, leave-in ou óleos com proteção UV e UVA, e use bonés ou chapéus estilosos. Além disso, tente manter distância de chapinhas, secadores e babyliss, para não prejudicar os fios. Mas caso seja necessário, lembre-se de sempre usar um protetor térmico antes.

$name
6

Com que frequência devo retocar a cor dos cabelos ruivos?

Para saber quando é a hora de retocar os fios ruivos, preste atenção na vivacidade da cor. Quando começar a perder o brilho e ficar opaco, é hora de retocar. O tempo pode variar de acordo com cada cabelo, mas geralmente a cor dura em torno de 40 dias até o próximo retoque. Uma boa dica é usar tonalizante durante esse período para fazer um banho de brilho. Ele vai ajudar a manter sua cor até o momento de retocar. Mas lembre-se que o tom deve ser o mesmo e não exagere no seu uso. Uma vez por mês é suficiente para não danificar a saúde dos fios.

$name
7

Os cabelos ruivos vão dar mais trabalho e danificar mais os fios?

 Existe realmente um cuidado maior para cuidar dos fios ruivos, já que ele precisa estar sempre brilhante e com vivacidade, características principais da cor. A facilidade de desbotamento também é um motivo de preocupação, pois o pigmento vermelho vai embora com mais facilidade. Então, sim, o cabelo ruivo requer muita atenção e cuidado. Mas ele não é mais propenso a sofrer quedas e danos que outras cores de cabelo. Ao pintar o cabelo de ruivo você está aplicando química aos fios; assim como ao pintar de loiro, preto ou qualquer outra cor. Independentemente da cor de cabelo escolhida para transformar o visual, um cronograma capilar para garantir a nutrição, reparação e hidratação dos fios é a chave para evitar os danos e mantê-los sempre saudáveis.

Matéria publicada em 11 de junho 2021, por Webedia.