Hidratante para pele oleosa: como escolher a textura e os ativos certos do creme para o rosto

Na hora de escolher um hidratante para pele oleosa, os ativos e a textura são os principais fatores a serem levados em consideração. Como essa pele produz maior quantidade de óleo, ela pode ficar pesada se hidratada com produtos de consistência muito espessa e ricos em óleos.

Este erro faz com que muitas pessoas desistam de hidratar a pele por acreditarem que todos os hidratantes vão causar o mesmo efeito. Mas ficar sem hidratar a pele oleosa pode causar danos como desidratação e ressecamento, e outros problemas a longo prazo, como formação de linhas de expressão e rugas. Pensando nisso, separamos algumas dicas de dermatologista para escolher um hidratante para pele oleosa. Confira!

Os produtos com textura de sérum são a melhor opção de hidratante para pele oleosa

Quando o assunto é hidratação da pele oleosa, a textura do produto é um fator determinante para o sucesso do tratamento. Segundo a dermatologista Fabiana Wanick, os cremes faciais podem deixar essa pele pesada e mais oleosa. Por isso, o ideal é optar por um hidratante facial em formato de sérum, que une uma alta concentração de ativos em uma textura leve e fluída. “Sérum tem melhor espalhabilidade e são leves, permitindo a associação de outros produtos, como maquiagem ou filtro solar, por exemplo. Os cremes são melhores para quem tem a pele muito fina e seca”, explica a doutora, que é responsável pela Clínica de Dermatologia Fabiana Wanick.

Outro benefício do sérum hidratante para pele oleosa é a velocidade da absorção. Devido a sua textura fluída e fácil de espalhar, ele é absorvido pela pele mais rapidamente que outros veículos, o que potencializa e acelera o seu poder de ação sem deixar o rosto úmido ou pesado.

Aposte nas fórmulas de hidratantes para pele oleosa com ativos que retém água sem pesar

Quanto às fórmulas, o segredo é apostar em ativos que retenham água na pele. Essa ação promove uma hidratação profunda e duradoura sem estimular a produção de sebo. Queridinho no mundo do skincare, o ácido hialurônico é uma aposta certeira de ativo hidratante para pele oleosa, já que tem uma grande capacidade de retenção de moléculas de água.

Além disso, essa substância é naturalmente produzida pelo organismo, o que torna o ácido hialurônico seguro para todos os tipos de pele. “O ácido hialurônico é o melhor ativo pois hidrata e retém a água na pele, sem influenciar na oleosidade”, afirma Fabiana Wanick.

Outro benefício do ácido hialurônico para pele oleosa, principalmente para quem sofre com acne, é sua ação preenchedora que ajuda a minimizar pequenas cicatrizes de acne - aqueles “buraquinhos” chamados de cicatrizes atróficas. O ativo também é conhecido pela sua ação quase milagrosa na redução das linhas de expressão e rugas.

Quando e como hidratar a pele oleosa: dicas para acertar na sua rotina de skincare

Quem tem pele oleosa deve seguir uma rotina skincare diurna e noturna como qualquer outra pessoa, e o seu sérum hidratante para pele oleosa precisa estar sempre presente. De acordo com a dermatologista Fabiana Wanick, a hidratação não apenas melhora o aspecto da pele, como também auxilia na absorção de outros produtos de tratamento. “A hidratação funciona como uma barreira da nossa pele, e isso deve ser feito de manhã e à noite. Com a sua função de barreira mantida, a pele se defende melhor das agressões externas como poluição e radiação solar”, explica. “Além disso, uma pele oleosa hidratada tolera melhor os tratamentos com a finalidade de diminuir a oleosidade”, afirma.

Ainda segundo a dermatologista, a hidratação diz respeito à quantidade de água presente na pele e não aos óleos. Por isso, não é preciso ter medo de hidratar a pele duas vezes ao dia. A dica é sempre higienizar bem a pele antes de aplicar os produtos, para remover qualquer resíduo de poluição, suor, maquiagem e protetor solar que podem deixá-la pesada.

Com a pele limpa e seca, prossiga com a aplicação do sérum hidratante para pele oleosa e seus demais produtos de tratamento, sempre começando do mais fluido para o mais espesso.

Foto Dra Fabiana

Matéria publicada em 24 de maio de 2021, por Webedia.